Para proteger camada de ozônio, ONU ajudará China a acabar com gás HFC

A China recebeu na terça-feira (23) a notícia de que o organismo da ONU encarregado da luta contra as substâncias que reduzem a camada de ozônio concederá ao país US$ 385 milhões em um período de 17 anos para ajudar a deter a produção do gás HFC utilizado em geladeiras, aerossóis ou nos aparelhos de ar-condicionado.
Criado em 1990 com o intuito de levar adiante os planos do Protocolo de Montreal , o Fundo multilateral  fornecerá a quantia para Pequim que tem o objetivo de  eliminar por completo a produção industrial dessa substância até 2030.

A China, o qual é o primeiro produtor mundial de HFC (hidrofluorcarbono) e fonte de 92% dos produtos HFC nos países em desenvolvimento, aceitou reduzir a capacidade de sua produção atual, o que permitirá ao país reduzir suas emissões de HFC em mais de 4,3 milhões de toneladas até 2030 e, no caso dos gases causadores do efeito estufa, o equivalente a 8 bilhões de toneladas de dióxido de carbono.

Esse é o projeto mais ambicioso já aprovado pelo fundo multilateral desde sua criação. Nos próximos quatro anos, a China receberá US$ 95 milhões para cobrir a primeira etapa da operação, a qual compreende o congelamento da produção aos níveis de 2013, e uma redução de 10% para 2015.

FONTE: Terra 

logopet

Lezel ur respont

Fill in your details below or click an icon to log in:

Logo WordPress.com

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont WordPress.com Log Out /  Kemmañ )

Google photo

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Google Log Out /  Kemmañ )

Skeudenn Twitter

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Twitter Log Out /  Kemmañ )

Luc'hskeudenn Facebook

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Facebook Log Out /  Kemmañ )

War gevreañ ouzh %s