Solar: comissão do Senado aprova isenção de IPI para equipamentos e componentes

Projeto passou pela Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) e agora segue para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE)

painel

 

 

 

 

 

 

 

 

A geração de energia solar pode ser incentivada por um projeto aprovado nesta quarta-feira (04/06) na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI). O PLS 317/2013, do senador Ataídes Oliveira (PROS-TO), isenta do Imposto sobre a Importação (IPI) os equipamentos e componentes de geração elétrica de fonte solar. A proposta segue para análise da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).

O autor ressaltou o aumento da demanda por energia no Brasil, mas afirmou que as tecnologias de utilização de energia fotovoltaica ainda são pouco conhecidas e de raro uso. Segundo ele, as usinas hidrelétricas vêm perdendo espaço na matriz elétrica brasileira e a geração termoelétrica passou a ser um recurso mais acionado que o desejável. O resultado, ressaltou, é o aumento da emissão de gases de efeito estufa na atmosfera.

Lenn pelloc’h

Advertisements

Fabricantes investem em orelhões com 3G e apostam no wi-fi

    Parar tentar evitar ‘desaparecimento’, tecnologia é absorvida por aparelhos.
Por dia, cerca de 120 orelhões, em média, somem das ruas do país.

Fábrica em que a Daruma monta seus terminais de telefonia pública, os orelhões. (Foto: Divulgação/Daruma)

Até os orelhões se renderam e passaram a “falar” pelo celular e a acessar a rede de banda larga móvel. Se foram concebidos para funcionar conectados a uma rede física, não é surpresa que os aparelhos públicos de telefonia fixa saiam das fábricas configurados para realizar ligações por meio da rede celular 2G. Já começam a esquentar as linhas de produção, porém, aparelhos que irão operar pelo 3G, rede de banda larga móvel.

Lenn pelloc’h

Como funcionam os telefones

telefone

Introdução

Embora a maioria de nós nem perceba, o telefone é um dos aparelhos mais surpreendentes já criados. Se você deseja falar com alguém que está distante, tudo o que tem que fazer é pegar o telefone e discar alguns números. Você é imediatamente conectado àquela pessoa e pode conversar com ela. A rede telefônica estende-se internacionalmente, sendo possível falar com quase qualquer pessoa no mundo.

Lenn pelloc’h

Computador impresso em papel está próximo da realidade

Impressão de circuitos eletrônicos

Sensor eletrônico de chuva construído com uma impressora jato de tinta comum.

Sensor eletrônico de chuva construído com uma impressora jato de tinta comum.

Pesquisadores japoneses inventaram uma maneira de imprimir em papel as finas linhas condutoras que fazem as conexões nas placas de circuitos eletrônicos.

E não é necessário nenhum equipamento de alta tecnologia: basta uma impressora jato de tinta que se compra no comércio por algo em torno de R$150.

O segredo está em uma tinta contendo nanopartículas metálicas, que também já está disponível comercialmente no Japão.

Yoshihiro Kawahara, da Universidade de Tóquio, afirma que este é um passo importante para incentivar o crescente movimento das máquinas livres.

As impressoras 3D já permitem fabricar virtualmente qualquer coisa. Lenn pelloc’h

Bactérias e Fungos:seria esse o futuro dos biocombustíveis?

00987257É uma idéia, bem óbvia na verdade, é como a natureza dispõe de árvores depois que eles morrem. No entanto, antes de pesquisadores da Universidade de Michigan tentou fazê-lo, ninguém tinha emparelhado bactéria com fungos para fazer biocombustível celulósico.

A equipe tomou Trichoderma reesei, um fungo amplamente conhecidos por sua capacidade de decompor eficientemente as partes não-comestíveis de plantas, além de uma cepa especialmente projetado das bactérias Escherichia coli, e aplicou-as tanto para uma cuba de palha de milho secas. Após os fungos degradadas as cascas em açúcares, as bactérias terminaram o trabalho. O resultado foi isobutanol, um líquido incolor inflamável que os pesquisadores esperam que um dia possa  substituir a gasolina.

Lenn pelloc’h

Teletransporte fica prático para computação quântica

010110130816-teletransporte-toquio-2Energizar

Não, ainda não é nada parecido com o teletransporte de Jornada nas Estrelas, mesmo porque cálculos indicam que o tempo para teletransportar um ser humanoseria longo demais com qualquer tecnologia imaginável hoje.

Mas duas equipes fizeram avanços substanciais na área do teletransporte quântico, usando técnicas e abordagens diferentes, colocando a técnica muito próxima da utilização prática no interior de computadores quânticos e para a transmissão e a criptografia de dados.

Lenn pelloc’h

Programa Rio Capital da Energia atinge 53 projetos, no valor de R$ 2,2 bilhões

Consumo-de-energiaO Programa Rio Capital da Energia, parceria do governo fluminense com empresas privadas do setor, estatais e universidades, totalizou este mês 53 projetos, com investimentos da ordem de R$ 2,2 bilhões. De acordo com a coordenadora do programa, Maria Paula Martins, os números mostram expansão em relação à carteira de 35 projetos, registrada em junho de 2012, com investimentos de R$ 400 milhões.

Subordinado à Secretaria Estadual de DesenvolvimentoEconômico (Sedeis), o programa foi criado por decreto em setembro de 2011 e tem por objetivo a transformação do Rio de Janeiro em um centro de referência mundial em inovação tecnológica, eficiência energética e sustentabilidade ambiental.

Lenn pelloc’h