Risco de apagão no país é descartado neste ano

Sistema Interligado Nacional dispõe neste sábado de condições de abastecimento


size_590_BX236_044E_9BRASÍLIA.
 Está descartado o risco de apagão no Brasil. Segundo o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), o risco de “déficit de energia é zero para as regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste”. Após uma reunião na tarde dessa sexta, o grupo, que é formado por integrantes de órgãos oficiais do setor elétrico, disse que foram observadas chuvas acima da média em junho nas principais bacias de rios da região Sudeste, e houve uma melhoria nas condições de suprimento de energia do Sistema Elétrico Nacional.  Lenn pelloc’h

Reajustes na energia devem afetar inflação em 2015

luzA pressão provocada pelos reajustes das tarifas das distribuidoras de energia na inflação brasileira em 2014 deve se repetir com ainda mais força no próximo ano. Estudo da consultoria Thymos Energia indica que os problemas enfrentados pelo setor elétrico, adicionados ao início do cronograma de pagamento pelo suporte financeiro dado pelo Tesouro ao setor, devem resultar em reajustes de mais de 20% em 2015. Para este ano, os aumentos devem seguir um patamar considerado mínimo de 15%, embora o aumento a ser aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) seja específico para cada distribuidora.

Lenn pelloc’h

Método torna produção de energia solar mais barata e menos tóxica

Cloreto de magnésio substitui substância cancerígena.
Nova ‘receita’ para produzir célula solar recorre a ingrediente usado em tofu.

Pesquisador Jon Major demonstra método simples de aplicar cloreto de magnésio em células solares (Foto: University of Liverpool/Divulgação)

Cientistas da Universidade de Liverpool desenvolveram um novo método para produção de células solares, usadas nos painéis solares para a conversão de luz em energia elétrica. A nova “receita” substitui uma substância tóxica para o meio ambiente e para o ser humano por um ingrediente muito mais barato e inofensivo, usado até na fabricação de tofu. A descoberta foi publicada na edição desta quinta-feira (26) da revista “Nature”. Lenn pelloc’h

Eólicas dominam leilão de energia

O leilão A-3, realizado ontem pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vendeu energia de 968,6 megawatts (MW) de usinas, dos quais 551 MW correspondem a novos projetos eólicos vendidos ao preço médio de R$ 129,97 por megawatt-hora (MWh) e deságio de 2.28%, o que representa 57% na demanda total do certame. 
Energia-Eólica

 

 

 

 

 

 

Para a presidente executiva da ABEEólica, Elbia Melo, os resultados refletem a maturidade da indústria eólica, que no seu processo de consolidação, vem permitindo uma precificação mais adequada dos crescentes riscos e desafios envolvidos na implementação dos projetos.

Os 551 MW de fonte eólica contratados no leilão representam a geração de pouco mais de 8.000 novos postos de trabalho, R$ 2.479,50 em investimentos e a produção de 276 aerogeradores e 827 novas pás. Esse volume de energia será utilizado para abastecer cerca de 1 milhão e 300 residências e evitará pouco mais de 590 toneladas de CO2.

Lenn pelloc’h

Solar: comissão do Senado aprova isenção de IPI para equipamentos e componentes

Projeto passou pela Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) e agora segue para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE)

painel

 

 

 

 

 

 

 

 

A geração de energia solar pode ser incentivada por um projeto aprovado nesta quarta-feira (04/06) na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI). O PLS 317/2013, do senador Ataídes Oliveira (PROS-TO), isenta do Imposto sobre a Importação (IPI) os equipamentos e componentes de geração elétrica de fonte solar. A proposta segue para análise da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).

O autor ressaltou o aumento da demanda por energia no Brasil, mas afirmou que as tecnologias de utilização de energia fotovoltaica ainda são pouco conhecidas e de raro uso. Segundo ele, as usinas hidrelétricas vêm perdendo espaço na matriz elétrica brasileira e a geração termoelétrica passou a ser um recurso mais acionado que o desejável. O resultado, ressaltou, é o aumento da emissão de gases de efeito estufa na atmosfera.

Lenn pelloc’h

Sem estudo, aposentado ‘inventor’ cria própria usina de energia em MG

Idoso chama atenção pela criatividade na zona rural de Cachoeira de MG.
Um dos orgulhos do morador é nunca ter pagado contas de luz.

Sem título

 

 

 

 

 

 

Um morador da zona rural de Cachoeira de Minas (MG) que estudou até o 3º ano do Ensino Básico chama a atenção pela criatividade. Com engenhosidade, habilidade e conhecimento de vida, Seu Guerzone, um legítimo homem do campo de olhos bem azuis e barbas longas, se orgula do apelido de inventor. Ele criou a própria usina de energia dentro de casa e se orgulha de nunca ter precisado pagar contas de luz.

Praticamente tudo que há dentro da casa do Seu Guerzone Sebastião Lopes funciona com a energia que é gerada dentro do sítio. Somente a geladeira à ligada à rede externa de energia. O sistema movido à água criado por ele, gerou energia pela primeira vez na roça na década de 1980. Mas bem antes disso, ele já havia conseguido levar iluminação para a roça, utilizando uma roda de Fusca.

Lenn pelloc’h

Construção de Belo Monte alcançou 50%, diz Norte Energia

size_590_imagens-das-obras-de-belo-monte-feitas-pelo-greenpeace

O projeto de construção da usina Belo Monte, no Pará, já alcançou 50% de avanço, revelou nesta terça-feira, 20, o diretor presidente da Norte Energia, Duilio Diniz Figueiredo.

 

Respeitadas as projeções atuais, as primeiras máquinas do sítio Pimentel devem entrar em operação em 2015. No ano seguinte a primeira máquina da usina propriamente dita deve entrar em atividade.

“Estamos trabalhando para entrar com o reservatório e uma ou duas máquinas no Sítio Pimentel em 2015. Em março de 2016 entraremos com a usina, uma máquina”, destacou o executivo, que participou na manhã de hoje

Lenn pelloc’h